Corrimento Vaginal e seus tratamentos

candidiase-vaginal

Aprenda que corrimento vaginal é resultado de um desequilíbrio na vagina, caracterizado por um fluxo vaginal, volume, coloração e consistência diferentes do comum.

De fato,  pode ou não vir acompanhado por um cheiro desagradável, além de provocar irritação, coceira ou ardência na vagina ou na vulva e vontade de urinar com mais frequência.

Sabemos que existem  mulheres associam imediatamente o corrimento a algum problema de saúde, mas nem sempre é o caso. Mas na grande maioria das vezes, ele é somente uma reação natural que o aparelho sexual da mulher produz quando se sente atacado ou protegido.

Outra fato importante é que o corrimento é a secreção expelida pela vagina que pode ser normal ou anormal.

Quando se trata de um fato normal ela é composta por substâncias semelhantes à do soro sanguíneo, é translúcida ou levemente esbranquiçada e com um odor típico levemente adocicado devido ao ácido lático, em casos anormais costuma possuir odor e coloração diferentes e/ou causar incômodos no local.

As principais causas do corrimento anormal são:

As principais causas do corrimento são:
• Infecções Vaginais;
• Vulvites e vulvovaginites;
• Infecções cervicais ou do colo do útero;
• DSTs;
• Alergias

Agora que você sabe isso, aprenda que as causas dos corrimentos anormais infecciosos mais conhecidos são: a candidíase, a tricomoníase, e a vaginose bacteriana.

 

SINTOMAS CONHECIDOS

Apesar de muito divulgado, os sintomas das vaginites variam de acordo com o tipo de causa do corrimento. Os mais conhecidos são:

  • Odor desagradável;
  • Coceira;
  • Corrimento espesso;
  • Dor/incômodo durante o ato sexual.

Também sabemos que existem casos que  o corrimento pode apontar problemas mais sérios, como por exemplo o câncer de colo do útero. Só que nesse caso, o odor de sangue na secreção pode ser um sinal da doença.

Ao primeiro sintoma de corrimento, procure um médico ginecologista – IMEDIATAMENTE!

5-conselhos-para-evitar-o-contágio-da-candidíase-vaginal-e1519770114577

DIAGNÓSTICOS APLICADOS

Hoje em dia para diagnosticar corretamente que tipo de vaginite está afetando a paciente, o médico ginecologista realizará um exame clínico onde observará sinais de vaginite, características da secreção vaginal e a presença de outros sintomas, podendo també aferir o pH vaginal.

Claro que em alguns casos, poderá solicitar exames de laboratórios como avaliação da secreção vaginal, citologia à freso, pesquisa de microorganismos entre outros.

Agora o que de fato ,é  importante demais ressaltar que o diagnóstico clínico é indispensável para detectar a causa do corrimento, e assim realizar corretamente o seu tratamento pois muitas vezes os sintomas das vaginites podem ser confundidos (como de fato muitas vezes ocorre) com dermatites, reações alérgicas, vulvites químicas e etc, assim o diagnóstico correto é essencial para que o tratamento adequado seja escolhido.

 

Entenda agora, quais problemas de saúde podem acometer a vagina?

Comumente, qualquer infecção ou inflamação vaginal é denominada pelo diagnóstico médico como “vaginite”.

Mas veja que isto não quer dizer muita coisa, além de que não está tudo 100% bem.

Quando de fato, o problema não é vaginite, costuma ser uma vulvite ou cervicite — a primeira é uma inflamação da vulva e a segunda, do colo do útero.

Todavia não é motivo para se desesperar, pois quase todas as mulheres do mundo sofrem dessas desordens com certa regularidade. Porém, é natural também que elas provoquem alguns sintomas desagradáveis. Esaiba que  isso acontece por diversos motivos que têm nada a ver com falta de higiene na grande maioria dos casos.

Muitas  vezes, inclusive, estes sinais podem ser provocados justamente pelo uso de sabonetes farmacêuticos na região da vulva, que alteram o pH e destroem toda a proteção natural da vagina.

E olham que isto sim, pode ser que a própria higienização ajude a provocar esse desequilíbrio.

Vaginal discomfort from severe fungous infection.

O que é Candidíase?

Muita gente sabe, que aA candidíase é uma infecção causada pelo fungo Candida, geralmente Candida albicans. Mas só que ela é mais famosa por afetar os órgãos genitais femininos, mas pode aparecer em outras regiões como:

  • Órgãos genitais masculinos
  • Pele
  • Unhas
  • Garganta
  • Boca
  • Corrente sanguínea.

Mesmo assim, apesar  de maior número de casos em mulheres, também existem casos de candidíase no homem

 

Veja agora os Sintomas de Candidíase

Principais Sintomas da candidíase vaginal

É fato conhecid que a candidíase vaginal costuma causar principalmente um corrimento esbranquiçado. Ei a  lista de principais sintomas:

  • Coceira na área vaginal
  • Dor e vermelhidão na área vaginal
  • Corrimento vaginal branco e agrupado, parecido com queijo cottage
  • Relações sexuais dolorosas (4).

 

Veja agora, Sintomas da candidíase peniana

  • Coceira, ardência e inchaço na ponta do pênis
  • Relações sexuais dolorosas
  • Ardência ao urinar
  • Feridas (rachaduras) na pele do pênis
  • Corrimento branco e agrupado
  • Odor forte (5).

Sintomas da candidíase oral

  • Vermelhidão, ardência e desconforto na boca
  • Dor e dificuldade para engolir
  • Manchas brancas dentro da boca e na língua
  • Rachaduras no canto da boca (5).

Para todos os casos, você deve procurar auxílio médico para o correto diagnóstico e tratamento.

 

Se quiser saber mais sobre como tratar corrimento e infecção urinária de forma natural, acesse o artigo abaixo:

http://alimentoevida.com.br/corrimento-e-infeccao-urinaria-poderoso-remedio-natural-com-ervas/

 

Tags deste artigo:

  • Corrimento Vaginal
  • Corrimento e infecção urinária
  • Candidíase
  • Tratamentos para corrimento vaginal, infecções e candidíase
  • Tratamento natural para candidíase

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s